A DEMAGOGIA PETISTA NÃO TEM LIMITES.

A DEMAGOGIA PETISTA NÃO TEM LIMITES.
Agindo como nos filmes de ação, em que o sequestrador pede um resgate impossível, a fim de obter outra vantagem oculta, o PT empurra Eduardo Leite em uma armadilha fatal. 
Compromissos apresentados pela bancada do PT na Assembleia Legislativa para votar favorável à manutenção das atuais alíquotas do ICMS:
- Definição de calendário que assegure o pagamento em dia do salário do funcionalismo estadual;
- Definição de calendário que assegure repasse mensal dos recursos da saúde a municípios e hospitais, bem como apresentação de uma programação para quitação dos débitos existentes, com o devido reconhecimento do montante desta dívida acumulada;
- Alteração no projeto enviado ao Legislativo, assegurando alíquota de 12% de ICMS aos consumidores residenciais de energia com consumo de 100 KW a cada 30 dias;
- Gestão junto ao CONFAZ visando a inclusão do botijão de gás de 13 kg na cesta básica, com incidência de alíquota de 7%;
- Envio para a Assembleia Legislativa de projeto de lei com a alteração das alíquotas incidentes sobre heranças e doações (Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doação de Quaisquer Bens ou Direitos – ITCD), assegurando a isenção aos menores valores e sua progressividade até o limite de 8%, conforme previsto nas normas federais.
A Armadilha: 
a) Bancada do PT condiciona o aumento do ICMS ao pagamento do funcionalismo em dia. Para que seja válida essa afirmativa, precisamos acreditar que: 

a.1: Sartori não pagava em dia porque não queria. 
a.2: Leite, com o aumento passará a pagar em dia. 
a.3: O problema do Estado está apenas na manutenção da alíquota do ICMS. 

Então, em primeiro lugar, mesmo mantendo as alíquotas, o Governador Leite não conseguirá pagar em dia o funcionalismo. Pois o problema é maior que apenas isso. 

b) Se o PT não vota a favor das alíquotas: 

b.1: Leite pode dizer que tentou ajustar o Estado e pagar o funcionalismo, porém, o PT faz oposição e vota contra. 
b.2: PT não quer o desenvolvimento do RS, é sempre contra tudo. 

C) Se o PT, com sua eterna bondade, condiciona votar o ICMS ao pagamento dos salários: 

c.1: Ele consegue se postar com um partido democrata e bonzinho. 
c.2: O governador não vai conseguir pagar em dia, mesmo com isso. PT terá discurso para dizer que ajudaram, fizeram um sacrifício e mesmo assim o PSDB não paga os servidores em dia, enquanto Tarso Genro, o grande governador petista nunca atrasou salário. 

A questão é estratégica e tática. O PT não está ao lado do funcionalismo, ele está buscando sobreviver, mudar a imagem perante a opinião pública, passa a ideia de se preocupar com as pessoas, só que isso não é verdade. 

Portanto meu amigo, não é ser contra ou favor dos servidores, é ter olhos atentos às táticas e frames do PT, que buscam jogar uma cortina de fumaça. 

O que eles querem é colocar o Leite em uma armadilha....

Comentários